O pontinho do maior amor do mundo

Amor de mãe é a mais elevada forma de altruísmo. (1) 

Depois de alguns dias acompanhando vocês e percebendo que a minha dor não é única desse mundo, resolvi compartilhar nossa história.

Foi tudo tão rápido, assustador, feliz. Eu o chamo de pontinho do amor, pois ao descobrir a gravidez entramos em pânico, não estava no planejamento para aquele momento, onde faltava pouco menos de 40 dias para o nosso casamento, todas as emoções do mundo sentimos naquele momento de descoberta. Em poucos dias, fomos na médica, fizemos a primeira ultrassom e você era tão pequeninho, só tinha 6 semanas, te descobrimos com 4 semanas após um mal estar assim de repente. Era um pontinho de amor nascendo dentro de mim e partir dali entendi, senti o primeiro e maior sentimento desse mundo, chamado amor de mãe… os dias foram se passando, os enjoos só aumentavam, até que casamos em família, eu, papai e o pontinho de amor… foi o dia mais lindo e completo das nossas vidas, você completaria 9 semanas. Até que chegou a hora de curtir um descanso, só que no meio do caminho o inesperado, um sangramento. Largamos tudo e fomos com mala e tudo para o hospital, a notícia era que você não estava mais aqui. MEU DEUS, como eu chorava dentro daquele hospital, senti o mundo desabando e eu não conseguia sair do lugar. Hoje com 28 dias, eu continuo um pouco sem direção, os dias são assim, uns bons, outros nem tanto, mas em todos ele você deixou um amor imensurável no meu coração. Gosto muito livro do Pequeno Príncipe e essa parte me conforta, por que ao ler penso em você “ Quando olhares o céu a noite, eu estarei habitando uma delas, e de lá, estarei rindo. Então, será para ti, como se todas as estrelas rissem…”

Obrigada por permitir que compartilhássemos nossa dor.

Confesso que tem sido dias de muito choro e ele nem sempre é compreendido, pois as pessoas só sabem dizer, DEUS quis assim, foi o melhor, isso vai passar…. pra não ser grossa a gente não responde e encontra um sorriso no canto da boca. Vai passar, vai amenizar, mas as pessoas não compreende que jamais esqueceremos.

Um super abraço, Nathália.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s