Rebeca, um sonho que está no céu

Amor de mãe é a mais elevada forma de altruísmo. (3)

 

Olá, meu nome é kerika, quero compartilhar esse testemunho de superação e amor. Mãe de três bênçãos a Hadassa com 9 anos e um casalzinho de gêmeos com 3 anos Sara e Samuel. Então De repente, inesperado, surpreendente no ano 2018 descobri que estava grávida de uma menina lindíssima, perfeita, abençoada por Deus, pois a cada mês sentia o amor crescer e multiplicar dentro de mim. Aguardada, esperada com fé e gratidão pela princesa Rebeca, foi uma gestação diferente, claro, nenhuma é igual diante de uma rotina estressante, mas Graças a Deus de acordo com o pré Natal e exames tudo estava normal. Até que o dia mal, o vale da sombra e da morte como diz a bíblia, aconteceu, e aí da mesma forma que Deus me abençoou com a gravidez surpresa, de forma espontânea o coração dela parou de bater, durante a madrugada, acordei por volta de 4 horas e não senti os movimentos,já com 37 semanas, 28 de maio de 2019 terça-feira, ela saiu do meu ventre sem vida. O meu consolo é saber que Deus têm propósito em tudo que acontece, e o amor de Deus é maior que todo sofrimento, tenho suportado o luto, superando a dor e o sofrimento,o vazio, a saudade de tudo aquilo que poderia viver com ela. Só mães que passam por perdas, independentemente do tempo de vida do filho, sabe a dor profunda. Infelizmente as pessoas, não estão preparadas para dar o suporte necessário, não sabem como expressar ajuda. No hospital, minha médica é um anjo, a mesma que fez o parto dos gêmeos. Sofrimento é inevitável, mas de fé em fé a cada dia Deus têm me dado forças. Foram 9 meses de imaginando, conhecer o rosto da minha princesa Rebeca, e ali no centro cirúrgico, Deus seja louvado pela sua vida e também a minha, pois o tempo todo da cirurgia Cesária, Deus é maravilhoso e me deu a paz de Cristo Jesus, para passar por esse momento de aflição. Não têm como explicar o inexplicável, olhei para ela vários minutos, lindíssima, não teve sofrimento fetal, estava tudo bem. O exame da placenta também sem explicação. Decidi ir no velório, fiquei olhando pra ela, e beijei sua testa, peguei na sua mãozinha, parecia um sonho, mas é realidade, voltei para casa e não é fácil, não têm barriga, não têm nenê pra cuidar, e a partir de agora somente lembranças no coração. Sempre sonhei em ter uma família grande, estava muito feliz 4 filhos é maravilhoso.  O papai do céu levou meu anjo Rebeca, a vontade de Deus prevalece acima de tudo e todos. Obrigada pelo carinho e atenção! Mamães que sofrem com o luto, não desistam, Deus está contigo.

3 comentários em “Rebeca, um sonho que está no céu

  1. Kerica, sinto muito a sua perda. Perdemos nosso Mateus. Nasceu dia 9/10 de 26 semanas mas não resistiu após 9 dias. Tenho uma filha de 5 anos e gostaria de saber como lidou com suas outras crianças nesse período. Abraço, Silvia.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s