Sou uma pessoa ruim?!

30118609_1449990768446276_497324779_n
É bem difícil falar do que realmente sinto, então talvez seja mais difícil ainda conseguir expressar de forma clara e transformar palavras em sentimentos tão dolorosos.
Mas digo -lhes que não consigo falar disso com ninguém, porque as pessoas que são próximas até tentam, mas não conseguem me entender e entender meu comportamento depois do que sofri.
À exatamente dois meses sofri uma perda gestacional, estava com 13 semanas e 1/2, no qual tive que me submeter à uma curetagem.
Visto que essa foi a minha 2°perda gestacional que tive, fiquei abalada demais, onde ainda não consegui de fato superar a perda.
Antes disso eu já passava por um momento crítico à nível pessoal, então somou com a perda do meu bebê, e desde então está sendo difícil para mim.
Tenho uma irmã por parte de pai que está grávida e estava com o mesmo tempo de gestação que eu na época, eu fiquei muito feliz por isso!
Mas depois que perdi meu bebê, bebê esse que eu já amava de uma forma que nunca pensei que conseguiria amar alguém, mesmo sem conhecê-lo.
Hoje em dia, vivo  um dia após o outro tentando seguir à vida…
Mas tenho uma certa negação pela gravidez da minha irmã e de qualquer outra mulher que esteja grávida.
Odeio o que sinto!! E me desprezo por isso.
Como posso ter inveja e negação de alguém que amo e de quem nem conheço pelo simples fato dessa pessoa estar grávida?
SOU UMA PESSOA RUIM??
Estou sofrendo muito por isso…
Devo ser uma pessoa mesquinha e ruim por ter esse tipo de sentimento tão primitivo e pobre de espírito.
Você não sabe o quanto sofro por sentir essa inveja… Eu não quero sentir isso, mas é mais forte do que eu.
Fiz exames depois disso, e não foi encontrado nenhum problema para que eu não pudesse engravidar, mas me sinto uma derrotada na vida…
Em pouco tempo perdi tudo que eu acreditava e sonhava…
Meu separei do meu marido antes de eu descobrir que estava grávida, e logo depois perdi meu bebê que era o sonho da minha vida.
Não sei se estou conseguindo expressar minha real dor, mas estou tentando porque não quero carregar essa culpa e ter esses sentimentos dentro de mim.
Sei que sozinha não conseguirei, por isso estou buscando uma forma desesperada de ajuda!!
Sinto que se eu não conseguir me livrar dessa dor, e desses sentimentos que citei, não poderei ser feliz.
Acordar, trabalhar, comer, sair, me alimentar, coisas que são banais e rotineiras se tornaram uma luta para mim. Não sinto vontade de fazer nada, não estou vivendo, eu apenas existo…
A solidão e o vazio que sinto é estrondoso, tão forte que me sucumbi com uma dor forte e latente.
Me sinto como se estivesse no escuro, e sem saber para onde ir ou o que fazer.
Por isso peço, ME AJUDEM POR FAVOR!!!
O que devo fazer??
Por favor, NÃO DEIXE ESSE EMAIL ESQUECIDO, estou desesperada!😢
Me desculpem por algo e obrigada por me darem a oportunidade de tentar me expressar e buscar ajuda!!
Relato Anônimo
Anúncios

6 comentários em “Sou uma pessoa ruim?!

  1. Eu lhe entendo .. Esse sentimento que vc ta passando e horrivel, tbm tenho sofrido com ele.. Pedi um bebe tem um tempo e na mesma epoca fiquei gravida com uma pessoa bem próxima, quando descobri a gravidez inviavel fiquei sem chão foi doloroso demais e essa pessoa nao demonstrou tristeza pelo que aconteceu cmg, parecia que estava satisfeita e isso doía mas ainda ..
    Os sentimentos de raiva por ela foi aumentando dentro de mim e principalmente quando eu via minhas amigas todas fazendo carinho nela mesmo sabendo que ela demonstrou frieza quando perdi meu bebezim .. Fiquei decepcionada e mto trsite..
    Mas sabe todos esses sentimentos ruins que estavam crescendo dentro de mim, resolvi eliminar eles , pq eu estava sofrendo por conta deles ..
    Procurei fazer coisas que eu gosto, ouvir musicas, ler, pesquisar e buscar motivos para sorrir .. E tbm procurei tratar bem ela.. Tudo isso e dificil conseguir mas n e impossivel ..
    Tente controlar seus pensamentos, quando vc notar que vc ja vai comecar a pensar coisas ruins procure fazer coisas que vc gosta e mude o pensamento e assim vc vai conseguir ..
    Tudo de bom para vc e vamos la atras do nosso sonho
    Bjs querida

    Curtido por 1 pessoa

    1. Boa noite. Perdi minha filha com 36 semanas e 6 dias de gestação, em julho de 2017 faltando 19 dias pra ela nascer.
      Tristeza sem tamanho, sofrimento infinito. Era perfeitinha, linda estava pronta pra nascer. O que me ajudou muito foi eu iniciar terapia com psicóloga antes ainda de completar um mês do nascimento dela e vou até hoje(agora 2x por mês), isso me faz muito bem, eu sou outra pessoa e consigo lidar bem com a perda hoje.

      Curtir

    2. Eu te entendo perfeitamente, e passo por isso todos os dias, minha história é bem parecida com a tua, em novembro, descobri que estava grávida, uma felicidade sem tamanho, meu coração explodia de felicidade, tinha um cachorro filho que era uma parte de mim, ganhei ele quando mais precisei, e em novembro mesmo ele veio a falecer subitamente, me sinto muito triste um sentimento muito doloroso, mas aguentei firme pq estava grávida, pois meu bebê precisava de mim, uma semana após, tive dores e fui ao médico lá foi constatado a perda do meu tão sonhado bebê, fiquei sem chão, me senti a pessoa mais horrível do mundo, fiz a corretagem, vim para casa, chorei e choro desesperadamente, uma semana depois meu chefe me demiite, (minha chefe que antes era minha melhor amiga, mas quando mais precisei ela me deixou de lado) a dois meses, descobri que uma pessoa muito próximo está grávida do mesmo tempo, sofro tanto pois tudo é voltado a ela, tudo e ela é o bebê dela, ninguém respeita a minha dor, e não posso falar, pois iram dizer que estou com inveja, mas eu juro que não, somente gostaria de que minha dor fosse respeitada, ela manda foto das ecografias do bebê, que estaria grávida do mesmo tempo que eu, pois ela descobriu logo depois que eu, aí fico todos os dias me perguntando, como estaria meu bebê, como estaria minha vida, o pq disse ter acontecido comigo, pq as pessoas não respeitam minha dor, não posso falar para as pessoas pois como muitas são maldosas tenho medo e receio, não tenho inveja dela, mas tenho meu luto por minha perda.
      Toda vez que há vejo sou muito carinhosa querida, e tão mas por dentro estou em pedaços!
      Grande beijos

      Curtir

  2. Eu te entendo totalmente.
    Em janeiro de 2017 meu filho nasceu morto estava com 28 semanas de gestação, era meu primeiro filho. Com 5 dias que enterrei meu filho minha cunhada que era uma irmã pra mim anunciou que estava grávida no grupo da família e disse que perder fazia parte que viesse o novo.
    Acabou nossa relação e eu não sei se um dia voltaremos as boas.
    Fui muito julgada e senti os mesmos sentimentos que você
    Até hoje eu sinto um certo desprezo por qualquer pessoa grávida, com bebê pequeno, enfim.
    É a primeira vez que falo isso também. E pelo seu depoimento e comentário acima eu entendi que não somos pessoas ruins somos mães que sofrem a dor da perda dos nossos anjos

    Curtir

  3. Ô maezinha… Como alguém que esta com o coração dilacerado pela perda do primeiro bebê, o primeiro amor mais intenso da minha vida, posso lhe falar que esses sentimentos fazem parte desse momento de desalento e dor. No fundo você continua sendo uma boa pessoa(tira isso da cabeça, você não é uma pessoa ruim), só precisa acalmar o coração e deixar o amor superar a dor. Amor por você mesma, pela vidinha linda que dividiu o espaço do seu corpo com você(mesmo tendo partido tenha a esperança do reencontro), e pouco a pouco o amor por as pessoas que te rodeiam voltará a ativa. Lute contra os maus pensamentos, com uma música, algo que te diatrai. Que o Senhor nos ajude nessa fase da vida! 🙏

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s